quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Eles que me provocaram, por isso comi o chinelo! (Saga Nino – Parte II)


Au-au (Bom dia!)

Bom, vocês já perceberam o apego que minha mãe tem por Sofá... e desconfio que o nome deste blog é Sofá por minha causa.

Antes de nos mudarmos para meu atual lar, moramos na casinha pequena da casa da minha vó. Um dia quando meus pais saíram e ficaram o dia inteiroooooo fora, horas e horas.... esbarrei na parte debaixo do Sofá, bati minha pata, e o Sofá revidou, cuspiu algo macio em mim....continue aquela briga, ele não ia me vencer, arranquei vários pedacinhos dele. Venci lógico!

Quando meus pais chegaram, fiquei super feliz, abanando meu rabo, queria contar que venci a luta com o Sofá... mas, minha mãe ficou muito estranha, falando bem alto, e com uma cara feia! Disse não, não, não para mim. Nossa, pensei que era bom vencer ... mas, a minha mãe acha que eu não deveria brigar... hunf!

No dia seguinte, minha mãe me deu uns biscoitos, disse que aquilo eu poderia roer...não entendi! Mas, o gosto era tão bom... comi tudinho.... mas, arranjei briga de novo, desta vez com o chinelo, mordi todinho ele, só para ele ver o que é bom! Outra vez a mamãe não gostou nada daquela história, ficou falando um monte, não entendi metade, ainda bem que logo meu pai me pegou no colo, e disse que eu era um bebê ainda... e me deu um petisco...este era diferente, o papai explicou que era chiclete canino, que era melhor eu morder isto do que as coisas da mamãe...para eu ficar longe de confusão! 
O dia foi movimentado..... veio me visitar uma moça que adoro...ela tem um cheiro tão gostoso! Mamãe me disse que ela é minha tia, e que tenho duas, mas, esta cheirosona, mora mais perto, ela vinha todo dia me ver. E alguns meses depois quando meus pais ficavam muito tempo fora, era a titia que ficava comigo, minha Bá! Eu adoro encher ela de lambeijo, e ela é minha companheira de “dormida”...ela deixa até que eu durma na mesma cama que ela, grudadinho...aquele cheiro dela me hipnotiza. Aliás, na minha casa nova, mamãe fez um quarto só meu e da Bá, tem até “uma tal de foto” nossa!
E sabe que esta casa nova também aprontou comigo? Para variar, a mamãe saiu e ficou um tempão fora (por que ela faz isso comigo?), eu escutei um chamado no lugar onde o papai e a mamãe fazem xixi... fui ver o que era... aê senti um cheiro diferente, tentei subir em um negócio branco e alto, escorreguei e cai lá dento, fiquei todo molhado... não sei como consegui sair fora dali, mas, a porta do lugar fechou...fiquei preso lá dentro...chorando... com medo daquele monstro grande e molhado...com frio... Quando a mamãe chegou me salvou, e começou a chorar junto comigo, me enrolou em um paninho, me senti tão feliz de ela ter chego! Daquele dia em diante não entrei mais sozinho naquele lugar...fiquei tauma...tlauma... como é que minha mãe disse?... trauma...tizado!

Mas, não fiquei medroso de tudo.... o resto da casa, se me enfrenta eu vou para luta, tem as flores da minha mãe pro exemplo...umas 3 delas já me enfrentaram... piquei elas em pedacinho... e ainda esparramei pela casa...para eles ficarem perdidas.... Mas, sei que a mamãe não gosta que eu seja brigão, então quando ela chega....coloco meu rabo-entre-as-pernas e me escondo embaixo de alguma coisa... e me preparo para ouvir um monte de coisa que ela fala e eu não entendo... eu sei que faço um olhar choroso, e não sei como ela fica calma!
Teve uma outra caixa grande também que arranjava briga comigo sempre.... e quando eu vencia ela cuspia um monte de coisa...com um cheiro forte...tinha até uma coisas de comer no meio...eu comia tudo. Mamãe ficava horrorizada, disse que era “lixu” ... depois de uns 5 ataques... a tal caixa sumiu...as vezes sinto o cheiro dela, mas, não consigo vê-la!

Eles aprenderam a me hipnotizar... e até esqueço de arranjar briga com a casa... tem portas que ficam fechadas...e muita coisa fica beeeeem no alto agora. A mamãe também deixa um barulhinho baixinho ligado quando sai... uma tal de “tevê” ... e eu durmo o dia todo....

Ela tenta me enganar com petisco também... e como vivo faminto,aceito um chinelo petisco ao invés do chinelo dela.


Fora os outros petiscos que ela me dá... eu me lambuzo todinho...










As vezes vem uns petiscos com um gosto diferente... uns petiscos que não tem gosto das minhas comidas...mas, a mamãe disse que é de vez em quando, porque faz mal... e corre para escovar meus dentes... Como faz mal? É uma delícia, tem um gosto melhor que os meus petiscos! Mas, a mamãe sabe tudo... melhor ouvir ela né? 

Apesar que eu bem tento pegar “uns por fora” com o papai, que é meio bobo, e sempre cai nas minhas armadilhas!
Sabe que estou adorando teclar meus latidos aqui com vocês? E vocês estão gostando?
Um lambeijo.

Nino

*O que é isto? Entenda este post lendo o inicio da Saga aqui. 

2 comentários:

Carmen | Blog Uze e Abuze disse...

Aiii gente, que coisa mais fofa esse Nino *-* Estou adorando suas histórias lindezooo!!! Você faria um ótimo par nas brigas com os chinelos da casa com a Layka, a minha preeta! :D

haha

Amada, você tem Twitter? Vem me seguir... @CarmenAlineri e me passa o seu que eu sigo de volta :)

Beijos Mil ♥

Blog Uze & Abuze | Facebook | YouTube | Twitter | SORTEIO THIPOS

Dri Ribeiro disse...

Oieeee... assisti seu vídeo no seu blog sobre a Layka, que linda!!! Eu tenho vontade de ter mais um lhasa, agora fêmea, e pretinha como a Layka! Realmente os dois seriam ótimos parceiros...kkk
Não tenho Twitter...
Obrigada pela vista.
bjuxxxx